Como Fazer Uma Proposta T Cnica De Caixa D Agua

Melhores poses para fazer crítica de cinema

As exigências sociais às vezes chamadas por potrenost na participação, inclusive a sensação da pertinência a alguém ou a algo, sentindo que se aceita por outros, sensação de interação social, anexo e suporte.

Os motivos do trabalho são vários. Compartilham em exigências que o funcionário procura satisfazer por meio do trabalho, naqueles benefícios que se necessitam para a satisfação de exigências, por aquele preço que o funcionário está pronto para pagar por receber os benefícios necessários. O general neles sempre só que a satisfação de exigências, recebendo os benefícios desejáveis se une seguramente com o trabalho.

Os autores que escreveram sobre a gestão científica, geralmente dedicavam as pesquisas a isto chama-se como gestão de produção. Envolveram-se no aumento da eficiência ao nível em baixo do administrativo. Com a emergência de peritos de escola administrativos começou a desenvolver constantemente aproximações da melhora da gestão da organização em geral.

Pesquisa de operações e modelos. Na essência, a pesquisa de operações é uma aplicação de métodos da pesquisa científica a problemas operacionais da organização. Depois da afirmação de um grupo de problema de especialistas na pesquisa de operações desenvolvem o modelo de situação. O modelo é uma forma da representação da realidade. Normalmente o modelo simplifica a realidade ou representa-a abstratamente. Os modelos facilitam entender de dificuldades da realidade. Os modelos desenvolvidos na pesquisa de operações simplificam problemas complexos, reduzindo o número de variáveis à quantidade feita funcionar.

As exigências primárias põem-se geneticamente, e secundário realizam-se normalmente com a experiência. Como as pessoas têm vário adquiriu experiência, uma necessidade secundária de pessoas diferenciam-se mais do que a eleição prévia.

A motivação (motivatio latino) - sistema dinâmico, os fatores internos que interagem entre eles (, causando e dirigindo o comportamento da pessoa ou um animal se concentrou na realização do objetivo. Entenderemos exigências como fatores internos, desejos, aspirações, expectativas, percepção, instalações valiosas e outros componentes psicológicos da personalidade.

A motivação com base na exigência da participação segundo o Makklellandu é semelhante à motivação através de Maslou. Tais pessoas interessam-se na companhia de conhecimentos, o ajuste das relações amistosas, ajuda ao outro. As pessoas com a exigência desenvolvida da vontade de participação desejam em tal trabalho que lhes dará oportunidades extensas da comunicação social.

Externamente o sujeito da gestão pode influir no funcionário ou forçamento dele pela força ou fornecimento de alguns benefícios. Neste sentido na psicologia distinguem a motivação de dois tipos: positivo e negativo. A motivação positiva é uma aspiração a realizar o êxito na atividade. Tudo pertence à motivação negativa que se une com a aplicação da condenação, desaprovação que implica, por via de regra, a punição não só no material mas também no sentido da palavra psicológico.

A teoria de David Mac-Klelland dá a classificação um bocado diferente de exigências. Considerou que 3 exigências são inerentes a pessoas: autoridades, êxito e participação. Em pessoas diferentes isto ou aquele deles podem dominar. A exigência do poder exprime-se como desejo de influir em outras pessoas. Pessoas com a exigência do poder não é obrigatório os arrivistas que desejam poder o valor negativo e mais usado desta palavra. Se estas pessoas não tiverem tendência a aventurismo e tirania, estas pessoas são organizadores excelentes e o melhor de toda a demonstração as capacidades, influindo em outras pessoas.

Várias teorias da motivação dividem-se em duas categorias: substancial e processual. As teorias substanciais da motivação são baseadas na identificação daqueles motivos internos (chamado por exigências) que forçam a trabalhar assim, mas não diferentemente. Neste sentido alguns aspectos de teorias de Abraham Maslou, David Mac-Klelland, Frederik Gertsberg e alguns outros pesquisadores interessantes nós vão se descrever. As teorias mais modernas da motivação baseiam-se em primeiro lugar como as pessoas que consideram a sua percepção e conhecimento se comportam. As teorias processuais principais, é uma teoria da expectativa, a teoria de um e o modelo da motivação do Porteiro-Loulera.